Your browser is out-of-date!

Update your browser to view this website correctly. Update my browser now

×

Está aqui

Xadrez

A secção de Xadrez do Sporting Clube de Portugal nasceu em 1958 por iniciativa do Dr. Victor Buescu, professor catedrático de Filologia Clássica da Universidade de Letras de Lisboa, de origem romena. 

Durante quase três décadas o Sporting CP foi dominador nas competições nacionais, acumulando presenças nas Olimpíadas de Xadrez e registando duas presenças meritórias na Taça dos Campeões Europeus de Clubes, chegando aos quartos-de-final em 1981. Durante este período destacaram-se nomes como o Mestre Nacional João Mário Ribeiro, o Mestre FIDE João Cordovil, o Mestre Internacional Joaquim Durão, o Mestre Internacional Fernando Silva, o Mestre Internacional Luís Santos e o Mestre Nacional Rui Silva Pereira, todos eles com fortes contributos para os sucessos do Clube.

Em 1986 a secção ficou sem instalações, esteve um ano sem competir e passou por anos de menor fulgor mas a dedicação de homens como António Moura, MN Rui Silva Pereira, MN Horácio Neto, João Salvador Marques, Carlos Pereira, MN Joaquim Aníbal, MN José Pinheiro, Paulo Batista, Pedro Pita Soares ou José Gomes foram fundamentais para ultrapassar as dificuldades. A edificação do novo Estádio José Alvalade melhorou as condições disponibilizadas para a prática do xadrez e surgiu no novo milénio a prática do xadrez por correspondência por equipas, onde o Sporting haveria de alcançar resultados de relevo na Champions League, organizada pela International Correspondence Chess Federation.

O regresso aos títulos nacionais deu-se em 2014, com a vitória no Campeonato Nacional de Rápidas, sendo que nos dias de hoje o Sporting CP mantém as vertentes formativa e competitiva, sob liderança do Mestre Nacional Rui Silva Pereira.